Como disse, vou preferir a mim a partir de hoje querido

Prefiro o olhar, prefiro a poesia, prefiro as mãos dançantes no vento e o cabelo esvoaçante acompanhando. Prefiro-me querido, prefiro ficar com a minha alma na palma das mãos e não deixá-la livre para fazer ninho em lugar onde não será bem recebida. Sei que aí no teu colo onde ela ficava calma e mansa não há mais lugar para mim, sei que hoje não mais teu sorriso vem de atitudes minhas, e que minha ausência não te causa efeito algum, mas querido, pensa na poesia que deixas-te incompleta aqui no meu caderninho… pensa naquele café da manhã que sempre fazias, e hoje eu mesmo requento o meu todos os dias. Pensa nas vezes que minha voz foi o teu refúgio do mundo, e em quando meu abraço te esquentou do frio que fazia em tua alma. Menino, lembras de quando dizias que me amavas? E era recíproco? Lembras? Hoje é a só a saudade andando de mãos dadas comigo por aquele parque que costumávamos ir todas as quintas. Nosso cantinho era tão belo, e me lembro que até o bem-te-vi pra nós cantava de tanto que daquele lugarzinho gostava. Mas já resolvi, do meu jeito complicado e feito corda bamba, mas decidi meu amor não mais depender de ti, nem do teu sorriso pra pode sorrir. Vou pegar o primeiro trem, parar no primeiro pôr-do-sol e fazer uma pintura nova pra colocar no lugar daquele quadro que pintastes. Como disse, vou preferir a mim a partir de hoje querido. (docesverbos)

Sobre Paolla Saraiva

"Encontrar a liberdade onde menos se espera... No fundo do tinteiro... Na ponta de uma pena" (Marquês de Sade) Ver todos os artigos de Paolla Saraiva

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: