E eu ja havia desistido a muito tempo, desistido de salvar o que ainda restava de mim, desistido de salvar o mundo a minha volta, desistido de salvar meu coração. Eu havia entregado tudo que ainda restava de mim ao mundo e torcia para que dessem valor a isso. Mas não deram. E aqui estou eu quebrada sozinha de novo, tentando explicar por meio de palavras o que me mata por dentro.

Sobre Paolla Saraiva

"Encontrar a liberdade onde menos se espera... No fundo do tinteiro... Na ponta de uma pena" (Marquês de Sade) Ver todos os artigos de Paolla Saraiva

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: